Dicas para ter mais energia

Dicas para ter mais energia

 

Você costuma sentir-se cansado e gostaria de ter mais energia e poder aproveitar melhor seu tempo?

Dicas para ter mais energia

Quem nunca teve períodos de cansaço ou falta de energia, muitas vezes nos piores momentos possíveis, quando apenas queremos fazer as coisas?

Por exemplo alguém que trabalha, mas tem muitos projetos paralelos que quer seguir fora do horário de trabalho.

As razões pelas quais você pode se sentir cansado e esgotado podem variar de simples, como falta de sono ou lidar com o estresse no trabalho, até outras muito mais complexas, como viver com uma condição crônica ou seguir um tratamento para uma doença crônica.

Embora lidar com a fadiga causada por uma condição crônica possa ser mais difícil, ter bons hábitos de vida pode ajudá-lo a maximizar seus níveis de energia no dia-a-dia. Leia as nossas dicas sobre como se sentir mais desperto e alerta.

 

1 – Preste atenção à dieta

Uma das nossas principais fontes de energia é, obviamente, a comida que comemos. Então, se queremos manter nossos níveis de energia, devemos comer de forma saudável e tentar integrar os alimentos mais nutritivos em nossas dietas. Nós medimos a energia que podemos obter a partir de alimentos em calorias.

Dicas para ter mais energiaSe não consumirmos calorias suficientes, nossos corpos podem se sentir cansados, pois não têm “combustível” suficiente. Ao mesmo tempo, porém, se consumirmos muitas calorias, há uma “sobrecarga no sistema”, e podemos acabar nos sentindo lentos.

Então, para nos sentirmos frescos e prontos para a ação, precisamos aprender a manter um equilíbrio em termos de nossa ingestão de calorias.

As diretrizes oficiais do Escritório de Prevenção de Doenças e Promoção da Saúde para 2015-2020 sugerem que as mulheres devem ingerir calorias de 1.600 a 2.400 por dia e homens de 2.000 a 3.000 por dia. A quantidade exata varia dependendo da idade, peso corporal e altura.

Mas a energia não é apenas sobre a quantidade de calorias; é também sobre a qualidade deles. Alguns alimentos fornecem energia, mas têm pouco ou nenhum valor nutricional. Isso significa que eles não apoiarão uma reserva de energia saudável e poderão prejudicá-lo a longo prazo.

Tais alimentos são uma fonte das chamadas calorias vazias e geralmente se tratam de produtos processados ​​e ultraprocessados, como doces, salgadinhos e refrigerantes.

 

2 – Faça algum exercício leve

Como especialistas da Harvard Medical School explicam em seu relatório dedicado, embora o exercício possa não ser a primeira coisa que você deseje fazer quando se está exaurido de energia, ele estimula seu corpo e sua mente de algumas maneiras vitais.

Primeiro, eles escrevem, em qualquer forma de exercício, a nível celular, mais unidades produtoras de energia se formam em seus músculos, de modo que seu corpo possa sustentar a atividade.

O exercício também “aumenta a capacidade de transporte de oxigênio do corpo” e aumenta a circulação, de modo que o oxigênio atingirá e “alimentará” todas as partes do seu corpo mais rapidamente.

Além disso, estimula a liberação de hormônios do estresse – com moderação -, o que faz com que você se sinta mais energizado e alerta.

“Mas que tipo de exercício você deve fazer?” Pergunte aos autores do relatório, que depois explicam que, em resumo, qualquer coisa serve – contanto que você se envolva em algum tipo de atividade física.

“Você não tem que gastar muito tempo se preocupando com isso. Quando se trata de exercício e energia, é difícil dar errado – e você não tem que correr por milhas ou trabalhar até o ponto de exaustão para começar a colher frutos”.

Um estudo recente envolvendo centenas de participantes durante um período de 15 anos confirma que fazer apenas meia hora de exercícios aeróbicos leves todos os dias o ajudará a permanecer saudável, e muitos benefícios a longo prazo.

 

3 – Não subestime o sono

Finalmente, é vital garantir que você tenha uma boa noite de sono suficiente para evitar a fadiga ou se recuperar do efeito de atividades cansativas ou estressantes ao longo do dia.

Dicas para ter mais energiaEmbora este possa ser o conselho mais óbvio, muitos de nós frequentemente subestimam o impacto que o tempo de sono reduzido, ou o sono interrompido, pode ter em nossos níveis de energia e saúde e bem-estar, em geral.

Pesquisas associaram o sono interrompido à neurodegeneração, problemas de saúde mental e maior predisposição a preocupação.

Quanto sono precisamos depende em grande parte da nossa idade e alguns outros fatores. No entanto, em média, os adultos devem dormir por cerca de 7-9 horas por noite para descansar completamente.

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) sugerem que, para ter uma boa noite de sono, devemos formar uma rotina saudável. Isso inclui ir para a cama mais ou menos na mesma hora todas as noites e acordar mais ou menos na mesma hora todas as manhãs. E sim, isso também vale para os fins de semana!

Eles também recomendam evitar a exposição a telas brilhantes – como as de smartphones, laptops ou tablets – antes de dormir, pois isso interfere no seu relógio natural, levando a um estado de alerta que o manterá acordado mesmo se você estiver cansado e com sono.

Em suma, a principal lição deste artigo é que, se você não tiver a energia que você acha que deveria ter, certifique-se de se familiarizar com suas próprias necessidades e priorizá-las.

Artigo originalmente publicado em Medical News Today.